Experiências About Love

Acredito que cada história é única, então gosto de criar conexão com as famílias e para isso é necessário muita prosa. Chamamos nossas sessões de encontros. No atendimento priorizamos o contato físico e isso se estende para a forma como entregamos as memórias de nossos encontros. Sempre haverá foto impressa. E se a ideia é de conexão, não podemos esquecer da linha que se conecta com quem deixamos no nosso país de origem, e por isso em todas as nossas experiências entregamos uma caixa de fotos surpresa para seus familiares que estão no Brasil.


São experiências vividas e registradas com quem vive na pele e entende a importância de registrar memórias. Com o passar dos anos, a fotografia é tudo o que fica dos momentos mais importantes de nossas vidas. Elas ilustram as histórias que contamos para os nossos filhos.


“Este parque é onde a gente te levava pra andar de bike”.
“Olha, seus avós estavam aqui no seu primeiro aniversário”.
“Este sapatinho foi sua avó quem mandou do Brasil”.
“Olha como era seu cabelo”.


E assim vamos relembrando através das fotos de cada detalhe vivido nessa grande aventura de maternar em outro país.

E se registrar memórias é importante para qualquer família, para mães expatriadas é ainda mais importante porque é uma forma de se aproximar da família e dos amigos que estão na terra natal.




A FOTOGRAFIA TEM O PODER DE CONECTAR.

Eu acredito muito que essas conexões são importantes em nossas vidas, seja pra se sentir acolhida, para acolher ou os dois.

A minha ferramenta é a fotografia e é através dela que quero gerar muitos nós neste grande novelo de linha vermelha que é a minha trajetória como mulher e mãe expatriada no Canadá. 


TE CONVIDO A SE ENTRELAÇAR NELE. 


Ah, e te apresento a Eliza Monaliza Coriza, a responsável por despertar o efeito ABOUT LOVE em mim. 


Eu cheguei no Canadá grávida de 5 meses da Eliza. A gravidez foi inesperada durante nosso plano de imigrar. Eu estava em um ritmo de vida muito acelerado no Brasil e a ideia de vir para outro país me enchia de expectativas de imersão total em uma nova cultura. Mas por conta da maternidade, tive que mergulhar em um mar mais profundo. Depois de muito tentar me reconectar com a Fernanda do passado, sem sucesso, a Eliza me disse: “Desacelera e Olha Pra Mim”. Ela tinha 6 meses e já me ensinava o que realmente importa na vida. 

“DESACELERA E OLHA PRA MIM”

Na correria da vida, te convido a parar e apreciar é o que realmente importa. Então escolha um momento que você deseja que o relógio pare de funcionar e que nunca mais acabe. Essa experiencia é sobre se desconectar com as obrigações da vida adulta e criar lindas memórias com quem você mais ama.


Seja fazendo um bolo em família, passeando no parque, visitando um lago ou simplesmente contemplando o seu corpo que está gerando uma vida. Não precisa ser uma data comemorativa para acontecer. A vida passa em um instante. Respira


BEAN TO BABY


Sao 3 encontros que marcam o começo, ou melhor, o recomeço da vida de uma família inteira. São registros desde as primeiras sensações de saber que tem um pequeno ser crescendo no seu ventre até essa vida estar nos seus braços. 


Encontro Bean


Você já ouviu a expressão “Uma imagem vale mais que mil palavras”? É uma bela forma de contar a linda novidade pra toda família. Podemos incluir neste encontro os primeiros objetos que contam o começo dessa historia: primeira ultra-som, roupinhas, sapatinhos e brinquedos. E pode ser um momento entre a família que remete a união, por exemplo: todos reunidos na cozinha pra preparar um bolo ou todos na sala curtindo um som que conecta vocês com seu bebê. 


Encontro Maternity


Nosso próximo encontro é depois de 30 semanas de gravidez para registrar as transformações e toda potência do seu corpo que é capaz de gerar, parir, nutrir e acalentar uma vida. Meus olhos de fotógrafa sempre se enchem ao clicar tanta beleza. Além de registrar o brilho nos seus olhos e do papai com a alegria da espera. E quando tem irmãos mais velhos e dogs este encontro vira uma verdadeira festa. 


Encontro Newborn


Dessa vez eu te encontro com seu baby nos seus braços antes de completar um mês de vida. É o momento de registrar as mãozinhas, os pezinhos, cheirinho na cabecinha, beijinhos e toda alegria da sua família com a nova chegada. Eu não vou colocar seus babê em potinhos e cenários pré-determinados, a minha missão é registrá-lo no lugar que ele se sentir mais confortável. E o cenário será a casa onde ele nasceu para que, daqui a 20 anos, ele veja as fotos e saiba como era cada cantinho. É memória pra uma vida inteira. Irmãos mais velhos, dogs e avós são super bem vindos. 


PRATIQUE FOTOGRAFIA IMAGINÁRIA



Esses dias, uma amiga me contou que costuma fazer fotografia imaginária enquanto amamenta a filha. 


Essa fala dela não saiu da minha cabeça e fico pensando no tanto de cliques imaginários que eu faço da Eliza. Imagens que não quero que saiam da minha memória nunca. Imagens que tem cheiro, som e até sabor. 


Fotografia que faço com meus olhos e todo o meu sentimento de mãe que não quer perder nada. Mas perco. É um Sentimento de que vou acordar amanhã e ela já terá outra carinha. Sabe aquela frase clichê “Eles crescem muito rápido” é muito real. 


Por isso quero te ajudar a ter essas memórias registradas de várias formas e acredito que esses 4 momentos são grandes marcos na evolução de sua cria pra sempre. 


3 meses


É quando o bebê começa a se interessar mais pelo mundo ao seu redor. É a chance de registrarmos os primeiros sorrisos banguelas. Eles também começam procurar pelas faces que mais lhe passam segurança, da mamãe e do papai. É a chance de registrar as primeiras trocas de olhares com o grande amor da sua vida. 


6 meses


É um grande marco no desenvolvimento do seu bebê porque ele está extremamente ativo explorando o mundo. É a chance de registrar ele sentado comendo as primeiras frutinhas e fazendo várias brincadeiras. Além dos primeiros dentinhos. 


9 meses


Seu bebê faz varias gracinhas para interagir com vocês, como: imitar expressões e sons, piscar os olhinhos, iniciar as primeira palavras e dar verdadeiras gargalhadas. Ele será capaz de engatinhar, bater palminhas e de até ficar em pé e dar passinhos com seu apoio. Registrar tantas brincadeiras e expressões será incrível. 



12 meses


É o maior marco nas suas vidas porque é quando a sua cria deixa de ser um bebê pra se tornar um toddler. É uma sensação de “Superamos o Primeiro Ano e que venham os próximos”. Sugiro um encontro intimista com bolo e balões pra gente celebrar. 


(Não inclui cobertura de festa de aniversário)


O COMEÇO DA VIDA

Imagine as primeiras memórias de sua cria registrada desde do comecinho da gravidez até 1 ano de idade. A gente começa no momento de anunciar a grande novidade pra família, a evolução da sua gravidez, o primeiro mês do seu bebê em seus braços, e todo acompanhamento do desenvolvimento dos 3 meses até um ano de idade. 


É a construção completa do primeiro arquivo de lembranças da vida da sua cria.


Para saber mais detalhes sobre as experiências About Love entre em contato clicando abaixo.